O fundo imobiliário Mogno Fundo de Fundos, administrado por BTG Pactual Serviços Financeiros S/A DTVM, divulgou o seu relatório gerencial do mês de maio, em que descreveu seu resultado e rendimento mensal. O MGFF11 tem o quarto maior patrimônio no segmento de FOFs.

O patrimônio líquido do fundo imobiliário MGFF11 é de R$ 687,34 milhões, representando um valor de R$ 77,94 por cota, com mais de 9 milhões de cotas emitidas até então. Somente 3 FIIs tem um patrimônio que o Mogno Fundo de Fundos, que são:

A taxa de administração do FII Mogno Fundo de Fundos é de 0,20% ao ano sobre o valor de mercado do fundo, enquanto a taxa de gestão é de 0,80% ao ano sobre o valor de mercado do fundo.

O fundo MGFF11 tem um total de 50.005 cotistas até o final de maio, e teve seu início em março de 2018. Entre os principais números do fundo no mês, o dividendo do FII é de R$ 0,60 por cota no período, com um yield anualizado de 12,03%.

Os dividendos do MGFF11 no mês de maio, juntamente com os R$ 0,65 pagos no mês anterior, representaram as duas maiores distribuições dos últimos 12 meses.

Saiba mais sobre o fundo imobiliário MGFF11

O retorno mensal do fundo Mogno Fundo de Fundos em maio foi de -0,71%, frente a um resultado do IFIX de +0,26% no mês. Além disso, a variação da cota a mercado, somado ao dividendo distribuído trouxe um rendimento de  -1,0% no mês. Do mesmo modo, o volume médio diário negociado foi de cerca de R$ 824 mil no período.

No mês de maio, entre as principais aquisições do FII MGFF11 está os R$ 37 milhões do fundo CPTS11, por meio de recibos CPTS14 e CPTS15. Com isso, o FII realizou a oferta com preço descontado em relação a sua cotação no mercado secundário.

Outra operação feita pelo fundo foi a compra de cotas do VGIR11, no valor de R$ 5,2 milhões. O objetivo da aquisição de aumentar a exposição ao CDI, mas sem concentrar de forma excessiva em outros ativos presentes na carteira, o que segundo o fundo acaba “favorecendo a diversificação de riscos”.

Além disso, o FII investiu R$ 8,6 milhões no fundo imobiliário MXRF11, fazendo compras com desconto em relação ao valor patrimonial. O fundo MGFF11 tem participação na carteira teórica do IFIX de 0,510%.