VISC11 fecha acordo milionário e adquire participações em 7 shoppings; Veja o valor

O fundo imobiliário VISC11 fechou um novo acordo milionário e adquiriu participações em 7 shoppings. Veja o valor e detalhes do acordo.

VISC11 fecha acordo milionário e adquire participações em 7 shoppings; Veja o valor
VISC11 exerce direito de preferência e aumenta participação no Shopping Paralela. Foto: Pixabay

O fundo imobiliário VISC11 assinou novos memorandos de entendimentos para uma potencial aquisição de participações em 7 shoppings. O valor total a ser pago deve ser de R$ 537,3 milhões.

O FII VISC11 divulgou nesta terça-feira (26) a lista de shoppings que estão entre as potenciais aquisições, sendo eles:

O valor total das potenciais compras representa um cap rate médio ponderado de 9,3%, estando aproximadamente 10,3% acima da média da carteira atualizada do fundo VISC11. O cálculo para essa quantia se baseou na projeção do NOI dos próximos 12 meses, assim como nos R$ 1.048 por metro quadrado de NOI Caixa.

O FII lembra em seu comunicado que a conclusão das aquisições ainda dependerá do cumprimento de certas condições precedentes que estão relacionadas a esse tipo de acordo, como a conclusão de diligência dos ativos, não exercício de direito de preferência de coproprietários e aprovação junto ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE).

VISC11 eleva diversificação regional do portfólio

A partir da conclusão dessas aquisições, a carteira do fundo imobiliário VISC11 passará a ser composta por 30 shoppings centers, sendo o FII com a maior quantidade de participações diretas em shoppings.

Outro ponto a se destacar é que, uma vez concluídas as aquisições, o portfólio do FII terá uma maior diversificação regional, já que dois novos estados serão incluídos, somando 16 estados situados em todas as regiões do país.

Uma nova administradora também vai passar a fazer parte da carteira, a Allos (ALOS3), que é a principal da América Latina nesse setor.

“A pluralidade de administradores de shoppings é parte da estratégia de diversificação do fundo, proporcionando o acesso à diferentes modelos de gestão e possibilitando o intercâmbio de melhores práticas entre os ativos do fundo”, diz o VISC11 em seu comunicado.

Tags
foto: João Vitor Jacintho
João Vitor Jacintho

Redator profissional, com atuação no mercado editorial na produção de notícias e conteúdos sobre o mercado de ações, criptomoedas, fundos imobiliários e economia popular. Graduando em Engenharia Química pela Unesp, também já trabalhei como consultor financeiro.

últimas notícias