Descubra os 5 fundos imobiliários de recebíveis (CRIs) mais “baratos”, segundo a Órama

Descubra os 5 fundos imobiliários de recebíveis (CRIs) mais “baratos”, segundo a Órama
Descubra os 5 fundos imobiliários de recebíveis (CRIs) mais “baratos”, segundo a Órama. Foto: Unsplash

Dos fundos imobiliários de recebíveis (CRIs) disponíveis na bolsa de valores brasileira, o Hectare CE (HCTR11) é considerado o mais “barato”, de acordo com ranking desenvolvido pela corretora Órama Investimentos.

O ranking de fundos imobiliários da Órama, chamado de “Quem tá barato”, foi criado com base em duas métricas: dividend yield dos últimos 12 meses e o preço/valor patrimonial (P/VP).

Para obter o score (nota) dos fundos imobiliários, a corretora multiplicou o dividend yield dos últimos 12 meses pelo inverso do P/VP.

A Órama usou o inverso da relação entre preço e valor patrimonial, de forma a beneficiar os fundos imobiliários que tenham desconto em suas cotas (P/VP < 1), ou seja, estão mais “baratos”.

Já ao final, as notas são multiplicadas por 10. A corretora explica que isso acontece com o objetivo de evitar a utilização de números decimais pequenos, e também simplificar a comparação.

Quanto mais alta for a nota do fundo imobiliário em relação aos outros, maior é o potencial de oportunidade de acordo com uma visão quantitativa, explica a Órama.

A corretora ainda comenta que o ranking dos FIIs mais “baratos” tem um filtro inicial: são elegíveis apenas os ativos com liquidez diária superior a R$ 300 mil. Segundo a instituição, essa restrição definida “ajuda a mitigar impactos de distorções de preço e rentabilidade”.

5 fundos imobiliários de recebíveis (CRIs) que estão mais “baratos”

Os fundos de recebíveis, também chamados de fundos de papel, são uma modalidade de fundo de investimento que tem lastro no segmento imobiliário. Sendo assim, grande parte dos recursos obtidos são aplicados em títulos de renda fixa, como os CRIs.

De acordo com o ranking produzido pela Órama, estes são os cinco fundos de recebíveis (CRIs) com as melhores notas:

FUNDOTICKERDY EM 12 MESESP/VPNOTA
HECTARE CEHCTR1116,45%0,831,97
CRI INTEGRAL BREIIBCR1117,32%0,881,96
RIO BRAVO CRÉDITO IMOBILIÁRIO HIGH GRADERBHG1116,90%0,931,81
BARIGUI RENDIMENTOS IMOBILIÁRIOSBARI1115,97%0,881,81
NCH BRASIL RECEBÍVEIS IMOBILIÁRIOSNCHB1117,99%1,001,81

Apesar do ranking desenvolvido, a Órama ressalta que o material não tem a proposta de ser uma recomendação. A corretora alega que a decisão de investimento em certos fundos imobiliários precisa considerar a qualidade dos ativos do FII, a experiência da equipe de gestão e as perspectivas para a carteira em meio ao panorama macroeconômico. 

foto do autor: Silvio Suehiro
Silvio Suehiro

Redator freelancer, com experiência na produção de notícias e artigos para as áreas de economia, finanças e investimentos. Graduado em Comunicação Social – Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC), e pós-graduado em Produção Audiovisual Multiplataforma pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM).

últimas notícias