O Tellus Properties FII (TEPP11), representado por sua gestora Tellus Investimentos, comunicou nesta última quinta-feira (6) os resultados do fundo. Somado a isso, a gestão apresentou o desempenho de seus investimentos com uma análise da conjuntura econômica.

A Tellus Investimentos começou sua exposição comentando sobre o contexto macroeconômico, o que incluiu uma rápida análise da economia global em comparação com o Brasil.

Desta forma, a gestão pontuou que o mês de abril foi marcado por dados “muito positivos nos EUA, que se recupera rapidamente com o avanço da vacinação e final de restrições em muitas regiões da maior economia global”. 

Por outro lado, no Brasil a realidade é diferente, afirmou a gestão do TEPP11. A retomada tem sido mais lenta, ainda sofrendo os impactos de restrições e enfrentamento do momento mais crítico da pandemia, que na visão da gestão “ficou para trás”. 

Neste caso, um dos efeitos mais visíveis tem sido o impacto de “alta da inflação, com IPCA e IGPM pressionando preços de serviços e reajustes de contratos”, afirmou a gestora. 

Em relação ao mercado secundário, tanto o Ibovespa e o IFIX finalizaram o trimestre no mesmo nível do início do ano, “trazendo a sensação que 2021 ainda não começou”. 

O Ibovespa apresentou alta de 1,9 % no mês, enquanto o IFIX fechou abril com alta de 0,51 %, acumulando perda de 0,22 % no ano. 

Situação do portfólio do fundo

O TEPP11 possui uma área privativa de 27.174 m2 com um total de 4 ativos. 

Neste caso, o Ed. Passarelli, localizado na região de Pinheiros, onde o Fundo é detentor de 52% do ativo, com 41 conjuntos. O valor de condomínio e IPTU totaliza R$ 24/m². 

Desde que o imóvel foi comprado, a gestão reforçou estar fazendo “melhorias operacionais, mudamos a administradora e sindicância do condomínio”. O ativo encerra abril com 10 locatários e uma vacância de 24%. 

O Ed. Torre Sul, localizado na Berrini, corresponde a 17 conjuntos mais 62% das lojas e do teatro. Atualmente são 7 inquilinos e com um custo de condomínio e iptu de R$27,5/m². A vacância do ativo segue em 38% 

No Cond. São Luiz, na região da JK, temos hoje 14 lajes, equivalente a 24% do condomínio. 

A última aquisição foi realizada em março, 32% com recursos do fundo e 68% do valor restante via operação de securitização. 

O São Luiz tem hoje um custo de condomínio e iptu de R$27/m², vacância de 7% e um total de 7 locatários.

No Ed. Timbaúba o TEPP11 possui 32% do edifício, que são quatro andares de propriedade que encontram-se locados para um único inquilino. 

No fim do mês assinamos uma proposta referente a uma possível aquisição de 7 lajes do Ed. Fujitsu, localizado a 400 metros do Shopping Pátio Paulista e 100% ocupado, no valor de R$ 50 milhões. 

Se concretizada a aquisição, o TEPP11 terá mais de 50% do edifício, e será assinado um contrato de locação atípico de 5 anos, com valor total mensal de R$ 340 mil, equivalente a um cap bruto de 8,16%, sem considerar alavancagem. 

A aquisição será paga parte com recursos do fundo e parte através de uma operação de Securitização. 

O mês de abril foi finalizado com a taxa de inadimplência zerada e uma taxa de vacância física em 20%. Veja no gráfico abaixo:

TEPP11

Resultados do fundo

Desde seu seu IPO em setembro de 2019, o TEPP11 está no seu período mais desafiador, sobretudo “com o home office presente no período”.

A Tellus Investimentos pontuou o fundo é um focado no mercado de lajes corporativas que tem uma gestão ativa em linha com o DNA da TELLUS. 

Por fim, o Fundo fechou o mês com uma distribuição de R$ 0,45/cota, com um dividend yield de 6,4% a.a., equivalente a 285% do CDI líquido. Observe abaixo na tabela:

TEPP11

Diante de tudo que foi abordado, a gestora aponta uma projeção de distribuição dos próximos meses, está entre R$ 0,42 e R$ 0,52 por cota, que pode ser vista no gráfico abaixo:

TEPP11 

Conheça o TEPP11

O FII Tellus Properties tem como objetivo a obtenção de renda e ganho de capital por meio da compra de ativos imobiliários do segmento de escritórios 

O fundo possui patrimônio líquido de R$400,3 milhões e tem cerca de 7.617 cotistas 

Para quem deseja investir no TEPP11, o preço atual do valor de uma cota é de R$81,51 (valor atualizado dia 13/04), sendo sua taxa de administração de 0,13% a.a.