IFIX registra novo recorde histórico, BTAL11 fica entre as altas e HSML11 cai 2,13%

Em um novo dia de recorde do IFIX, veja quem puxou o índice para cima.

IFIX registra novo recorde histórico, BTAL11 fica entre as altas e HSML11 cai 2,13%
URPR11 e RZTR11 são destaques do IFIX hoje (13); RECR11 está 20% descontado. Foto: Pixabay

IFIX, principal índice de fundos imobiliários da B3, encerrou o pregão desta quinta-feira (28), com um novo recorde de pontuação, aos 3.311,43 pontos, com uma alta de 0,39%.

Essa é a 10ª vez consecutiva que o IFIX termina com ganhos. A última vez que o índice caiu na Bolsa de Valores foi em 12 de dezembro de 2023, quando recuou 0,36%, aos 3.169,67 pontos. Desde então, ele acumula alta de 4,47% durante esta sequência positiva.

Na última terça-feira (26), o índice tinha registrado recorde de fechamento aos 3.285,40 pontos. Na sessão anterior, na sexta-feira (22), o IFIX fechou em alta de 0,87%, com uma nova máxima histórica de fechamento de 3.260,47 pontos. Antes disso, a maior pontuação registrada teria acontecido no dia 3 de janeiro de 2020, aos 3.253 pontos.

A máxima do dia também representou um novo recorde intradiário aos 3.314,39 pontos, enquanto a mínima diária foi de 3.298,60 pontos.

O fundo imobiliário que liderou os ganhos do IFIX hoje foi o HCTR11. O BTAL11 veio logo em seguida, com ganhos de 3,18%.

Já entre as quedas, o fundo imobiliário HSML11 liderou as perdas, com queda de 2,13%, enquanto o RZAT11 caiu 2,02%.

Maiores altas do IFIX

Maiores quedas do IFIX

Assim, em dia de mais um recorde do IFIX, esses foram os principais destaques entre os fundos imobiliários hoje (28).

foto: Vanessa Loiola
Vanessa Loiola

Jornalista formada pela PUC-SP e pós-graduanda em jornalismo de dados, automação e data storytelling pelo Insper. Possui experiência na cobertura das editorias de economia, finanças, bolsa de valores, política, setor elétrico, eletromobilidade e entretenimento.

últimas notícias