IRDM11 lucra R$ 31,385 milhões e anuncia dividendos de 123,81% do CDI; veja o valor

O fundo imobiliário IRDM11 lucrou R$ 31,385 milhões em abril e anunciou dividendos de 123,81% do CDI. Saiba o valor e os resultados do mês.

IRDM11 lucra R$ 31,385 milhões e anuncia dividendos de 123,81% do CDI; veja o valor
IRDM11 lucra R$ 31,385 milhões e anuncia dividendos de 123,81% do CDI. Foto: iStock

O fundo imobiliário IRDM11 anunciou seu novo relatório gerencial, reportando um resultado de R$ 31,385 milhões em abril, dos quais R$ 29,511 milhões serão distribuídos na forma de dividendos.

Os dividendos do IRDM11 serão pagos no dia 17 de maio de 2024, no valor de R$ 0,81 por cota, o que representa o maior patamar dos últimos 10 meses, ou seja, desde a distribuição feita em julho de 2023.

Os rendimentos do IRDM11 representam uma remuneração bruta de imposto de renda de 123,81% do CDI. O resultado total gerado foi de R$ 0,86 por cota, sendo R$ 0,05 por cota retido desse resultado.

“A equipe de gestão decidiu manter a política de retenção de parte do resultado distribuível, visando mitigar possíveis impactos de amortizações e inadimplências”, explicou a gestão. Com isso, o FII acumula uma reserva na ordem de R$ 0,23 por cota.

A performance deste mês ficou acima do registrado nos dois meses anteriores, com destaque para a parcela do resultado vindo dos juros de CRIs, sendo 7,28% acima do observado em março.

Vale destacar que o IPCA de fevereiro teve uma alta de 0,83%, gerando uma contribuição relevante para um adicional maior no resultado vindo de correção monetária, em função da defasagem dos indexadores.

Movimentações na carteira e estratégias do IRDM11

A gestão do FII IRDM11 afirma continuar com sua estratégia de diminuir sua carteira de fundos imobiliários, o que também gerou uma redução de cerca de R$ 670 mil no resultado distribuível do mês.

Por outro lado, o fundo espera que essas vendas e mudanças na carteira de FIIs vão influenciar de maneira positiva os rendimentos futuros.

O foco da gestão é continuar com sua atuação voltada à reciclagem da carteira e também na melhoria do desempenho do seu portfólio. Diante disso, ela afirma que “já é possível observar um aumento no rendimento distribuído e na taxa média contratada das operações da carteira, mas mantendo/diminuindo o risco de crédito da carteira”.

Em abril, ocorreu a liquidação de 3 operações, estando incluídos os CRIs Galleria Sen 3 e São Benedito e uma série do CRI AXS 03. O valor total dessas liquidações é de R$ 42,6 milhões. Já na carteira de fundos imobiliários, o IRDM11 permanece diminuindo a alocação em URPR11 e TGAR11.

Tags
Quer construir uma carteira de Fiis alinhada com os seus objetivos? Clique aqui e fale agora mesmo com um especialista.
foto: João Vitor Jacintho
João Vitor Jacintho

Redator profissional, com atuação no mercado editorial na produção de notícias e conteúdos sobre o mercado de ações, criptomoedas, fundos imobiliários e economia popular. Graduando em Engenharia Química pela Unesp, também já trabalhei como consultor financeiro.

últimas notícias