5 Indicadores importantes para investir em Fundos Imobiliários

É bastante comum que alguns investidores iniciantes ou que acabaram de conhecer os Fundos Imobiliários se sintam confusos e não saibam quais indicadores importantes para investir devem se atentar antes de aplicar em FII.

Por isso, se você quer aprender a investir de forma inteligente, acompanhe os próximos tópicos até o final e conheça 5 indicadores importantes para investir em Fundos Imobiliários!

Como Investir em Fundos Imobiliários? 

Escolher um investimento, muitas das vezes, pode ser uma tarefa complicada. Isso se agrava ao levar em consideração quantos tipos de FIIs temos disponíveis no mercado. 

Sendo assim, é muito importante que, antes de começar, você estude sobre o que são os FIIs para entender quais são os tipos e como funcionam. A princípio, indicamos que você conheça :

Além disso, saber qual é o seu perfil de investidor também pode ser uma grande ajuda neste momento. E, para ajudá-lo a descobrir, você pode abrir uma conta em corretora ou realizar testes na internet.

Com tudo isso em mente, vamos aos 5 indicadores importantes a considerar antes de investir em um FII.

Os 5 indicadores importantes antes antes de investir em um FII

1. Vacância dos imóveis

Existem dois tipos de vacância que devem ser consideradas:

É a taxa de desocupação física de um imóvel ou Fundo, assim como sua possibilidade de aumento, que também deve ser levada em consideração.

Se um Fundo investe em apenas um imóvel com dois inquilinos, por exemplo, caso um deles saia, a taxa de vacância física salta de 0% para 50% do dia para a noite — o que não é nada bom.

Enquanto isso, a vacância financeira diz respeito ao rendimento do FII ou imóvel, assim como à possibilidade de que haja falta do pagamento do aluguel por parte de um ou mais inquilinos, gerando um desfalque.

2. Cap rate

Também conhecido como Taxa de Capitalização, o Cap Rate tem a função de calcular uma média de retorno do capital investido em um imóvel.

Este índice é específico e, por focar apenas no setor imobiliário, é uma grande ajuda para os investidores na hora de escolher FIIs. Por isso, busque sempre analisar sua porcentagem.

3. Dividend Yield

Enquanto isso, outro índice muito importante para usar como apoio ao escolher Fundos Imobiliários é o Dividend Yield.

Este índice estabelece uma relação entre o preço dos FIIs — ou ações, em outros casos — e os dividendos que são distribuídos.

Apesar de não ser específico para o setor imobiliário, o Dividend Yield é uma ótima base para saber se o Fundo Imobiliário no qual deseja investir oferece bons dividendos a seus cotistas. Quanto maior a porcentagem, maiores eles serão!

4. P/VP

O P/VP, ou Preço/Valor Patrimonial, é um indicador muito importante. Ele permite que o investidor analise o valor de mercado do Fundo na Bolsa de Valores em relação ao valor patrimonial da empresa em um período.

O cálculo do P/VP é feito através da soma dos ativos de uma empresa, inclusive seus passivos. Após a soma, é feita a subtração para chegar no capital próprio da empresa.

No caso dos FIIs, são considerados todos os imóveis (Fundos de Tijolo), títulos imobiliários (Fundos de Papel) e cotas de outros fundos (Fundos de Fundos) para fazer este cálculo.

Um P/VP abaixo de 1 pode indicar que a empresa ou Fundo tem, na Bolsa, um valor menor do que seu patrimônio líquido, indicando um bom momento para os investidores comprarem cotas.

Porém, ao mesmo tempo, o P/VP abaixo de 1 pode significar que o mercado vê alguma desvantagem no ativo.

Enquanto isso, o P/VP elevado indica papéis mais valorizados: um ativo que o mercado gosta ou, então, que já tem bons avanços garantidos .

5. Liquidez média diária do Fundo

Por último — mas não menos importante — nessa lista, está a liquidez, um fator decisivo para os investidores.

No caso dos Fundos Imobiliários, a liquidez é o indicador que mostra o quanto um papel está sendo negociado diariamente na Bolsa de Valores.

Este é um indicador muito importante, pois é por meio dele que um investidor consegue saber se, futuramente, será fácil vender suas cotas.

Afinal, algumas empresas e Fundos estão listadas na Bolsa mas, apesar disso, não têm muita procura. Nestes casos, com poucos investidores interessados em negociar estes papéis, a venda pode ser difícil.

Considerar este indicador é muito importante, principalmente, para os investidores iniciantes. Portanto, leve sempre como um fator importante a ser analisado.

Vale a pena investir em FIIs?

Investir, no geral, exige muito cuidado. É preciso bastante estudo e acesso a informações de qualidade e confiança para aprender a investir de forma segura, estratégica e inteligente.

No entanto, você pode começar seguindo estes 5 indicadores importantes para investir em Fundos Imobiliários e terá muito mais consciência em relação a onde aplicar seus recursos. Lembre-se: se precisar, não hesite em pedir ajuda a um profissional!

Rafael Campagnaro
Rafael Campagnaro Autor

Engenheiro por formação, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado financeiro no FIIs.com.br desde que iniciou no universo das finanças.


Comentários